REPORTAGENS

FileMaker Cloud e o ROI.

A demanda por novas plataformas e serviços públicos na nuvem no âmbito empresarial tem crescido muito e, como consequência, o ritmo de inovação dos provedores de nuvem está superando todas as expectativas.

A consultora tecnológica Gartner incluiu o Cloud Computing dentro do seu informe Top 10 Stretegic Technology Trends for 2020, afirmando que sem dúvida será um ano promissor para o futuro do Cloud Computing.

Existem razões distintas para que uma organização considere iniciar sua jornada para a computação na nuvem. O crescimento do número de sistemas de gestão nas nuvens é devido à necessidade das empresas de se adaptarem a um mundo hiper conectado, onde  a maioria dos empregados utiliza três ou mais dispositivos para realizar seu trabalho diário. Isso presume a necessidade de que a eficiência em relação à mobilidade seja um pilar para o futuro das empresas, e a nuvem garanta a liberdade operacional que ela necessita. 

Contudo, o medo e o desconhecimento sobre a segurança dos dados nos sistemas das nuvens tem sido um dos principais freios para a adoção generalizada destes sistemas nas empresas. Então, por que você deveria fazê-lo? Quais são os fatores que deve levar em conta?

Em primeiro lugar a nuvem aumenta a velocidade e agilidade no trabalho. Devido as mudanças significativas e rápidas na sociedade, as empresas têm que saber responder rapidamente a essas mudanças e condições do mercado. O Cloud Computing permite às organizações a reduzirem a duração de alguns processos de dias, ou até meses, em minutos.

A acessibilidade é outro ponto forte dos sistemas nas nuvens. Para acessar todos os seus recursos, é necessário somente uma conexão a internet, o que aumenta a capacidade de atuação dos empregados e a otimização dos recursos. As soluções nas nuvens são facilmente adaptáveis, e se ajustam às necessidades do negócio.

A economia é um dos pontos mais significativos na hora de decidir mudar para o FileMaker Cloud, já que os custos das licenças são só uma parte da equação na hora de calcular os valores totais para o uso e manutenção do FileMaker Server. Quando pensar em mudar para o FileMaker Cloud, será de grande valia que considere todos os custos associados à hospedagem nas instalações. De fato, como se indica no eBook Retorno sobre o Investimento no FileMaker Cloud, se estima que a economia total, ao utilizar 5 usuários com FileMaker Cloud no lugar do FileMaker Server nas instalações durante um ano, é em torno de 70%. Isso devido à economia relacionada ao hardware e roteador, eletricidade, cópias de segurança, certificado SSL, pessoal para manutenção do sistema do computador etc.

Se quer transformar o seu espaço de trabalho e se beneficiar de todas as vantagens que oferece o Cloud Computing, conheça já a Plataforma FileMaker Cloud. Com o novo plano FileMaker Cloud Básico, você pode começar a criar seus aplicativos personalizados por apenas US$ 21,66 por usuário / mês.